Remarketing

O que é o Remarketing?

A importância do remarketing na obtenção de conversões no Marketing Digital para a sua empresa

baixar

O Remarketing é uma estratégia de marketing digital que permite que os seus anúncios do Google Ads apareçam mais do que uma vez aos utilizadores que já tenham demonstrado interesse no seu site.

Já deve ter ouvido falar várias vezes sobre estratégias de Marketing Digital. Neste artigo iremos abordar uma estratégia que é extremamente eficaz para melhorar os seus resultados em vendas. 

 

Afinal o que é o Remarketing?

Remarketing é voltar a fazer marketing para utilizadores para quem já o tenha feito. Ou seja, o remarketing surge para gerar de novo impacto sobre alguém que já tenha demonstrado interesse num produto em especifico.

Na prática, essa estratégia é utilizada através de campanhas de email ( que são responsáveis por reintegrar e reativar os clientes da sua lista de e-mails ) incentivando-os a tomarem uma decisão.

O Remarketing pode ser utilizado em diversas situações: desde um email a relembrar os itens colocados e esquecidos no carrinho de compras pelo cliente, um e-mail a avisar o cliente duma promoção que possa interessar essa pessoa em particular, etc.

As vantagens do Remarketing

O objectivo do Remarketing é aumentar as conversões. E isso é feito através dum simples pressuposto: é extremamente raro que o consumidor faça uma compra logo na sua primeira pesquisa.

Segundo o Google Adwords, apenas 3% dos visitantes de um e-commerce fazem uma conversão imediata. Esse número será menor quando falarmos em vendas complexas, como aquelas que exigem a solicitação de orçamento.

Assim, o Remarketing permite que o consumidor tenha um contacto mais pessoal com a marca através de mensagens personalizadas na sua caixa de e-mail.

Com os seus e-mails de remarketing, o visitante do seu site, será relembrado da sua oferta e continuará a ponderar a compra.  Aos poucos, estará cada vez mais convencido de que vale a pena avançar para finalizar a compra.

Ainda não o convencemos com esta estratégia?  Abaixo seguem alguns dados que confirmam o sucesso do remarketing:

  • 58% das pessoas gostam de receber e-mails com notificações de que os produtos que visitaram no site, estão em desconto;
  • 51% das pessoas afirmaram gostar de e-mails personalizados e de tratamento VIP;
  • 41% dos adultos entre os 25 e 34 anos gostam de receber e-mails a relembrar-lhes de que abandonaram os itens que tinham no carrinho de compra.

Segundo um estudo do MIT,  as possibilidades duma empresa se envolver ( engajar ) com um lead caem 10% se o follow up ( acompanhamento ao cliente ) for feito mais de uma hora depois da primeira interação com o site.

 

Como fazer uma campanha de Remarketing?

Antes de colocar a sua estratégia de Remarketing em acção, precisa de criar um planeamento de forma a facilitar o mapeamento dos leads que estão em fases diferentes do processo de compra: conscientização, consideração, compra ou fidelização. Para isso, tem de utilizar um sistema de listas.

As listas irão dividir as pessoas que visitam o seu site consoante o tipo de acção que tomaram. O e-mail para os visitantes que pesquisaram pelos produto será diferente do e-mail para os visitantes que fizeram clique no produto ou dos que colocaram o produto no carrinho e o abandonaram e será certamente diferente dos visitantes que se tornaram clientes e que efectivamente concluíram a compra. 

Aqui damos um exemplo de listas relevantes que poderá criar:

  • Quem gastou mais de 50€, 100€ ou 200€
  • Quem se inscreveu na sua newsletter; 
  • Quem respondeu a uma pesquisa;
  • Quem fez o download de algum documento transferível no seu site;

Partindo do exemplo, podem ser criados templates com o conteúdo dos e-mails a serem enviados a cada um desses grupos.

Para ajudar neste processo, a utilização de ferramentas de automatização de emails de marketing são óptimos pois para além de ajudarem nessa tarefa, centralizam as informações obtidas.

 

Como integrar o Remarketing e o Inbound marketing?

Inbound Marketing é o conjunto de estratégias de marketing que visam atrair e converter clientes utilizando conteúdo relevante. Quando o unimos com o Remarketing, temos a receita ideal para a criação de uma estratégia de marketing imbatível !

Desta forma, em vez de se limitar ao envio de e-mails pontuais, poderá também promover alguns conteúdos. Desta forma, irá incentivar as pessoas a tornarem-se visitantes regulares e assíduos do seu website. 

Um dos maiores problemas do Inbound Marketing é o grande volume de visitantes que não regressam para consumir mais conteúdo, e é aí que entra o Remarketing para colmatar esta lacuna. A combinação destas duas estratégias possibilita a criação de mais e melhores oportunidades para que o consumidor avance nas etapas do funil de vendas. 

Remaketing vs Retargeting

Mas se o Remarketing está relacionado com os e-mails que recebe, o que são os anúncios que o “perseguem” pela internet?

Esses anúncios estão relacionados com o Retargeting, outra estratégia de marketing. Apesar do Remarketing e do Retargeting terem nomes parecidos e um objectivo em comum ( envolver os visitantes ), na prática, são duas coisas muito diferentes.

O Google tem uma ferramenta própria para retargeting, conhecida como Remarketing, e é por isso que muitas das vezes os termos são usados como sinónimos, apesar destas serem estratégias bem diferentes.

O que é o Retargeting? 

O Retargeting está focado na conversão de pessoas já interessadas nas ofertas dos seus produtos ou serviços através do uso de anúncios pagos inseridos em locais estratégicos das páginas online.

Retargeting, ( proveniente da palavra inglesa “target”- alvo ) significa direcionar novamente a acção, tendo como alvo o consumidor que não finalizou a compra das primeiras vezes. 

Vantagens do Retargeting? 

Existem várias vantagens do Remarketing em relação a uma campanha de ads comum.

  • O Retargeting é mais focado do que uma campanha de ads. Já que direcciona os anúncios apenas para quem entrou no seu site: um perfil de utilizador com grande potencial de finalizar a compra. É por isso que a taxa de conversão do Retargeting é tendencialmente maior do que a taxa das campanhas de anúncios em geral.
  • Com o Retargeting, a frequência de exibição dos anúncios é bastante mais elevada.
  • No caso das pessoas que abandonam o carrinho de compras, o Retargeting, tal como o Remarketing, pode ser o incentivo que faltava, já que ajuda a eliminar as indecisões e a avançar para a finalização da compra.  

 

Dicas de retargeting

Tal como no Remarketing, para o retargeting é também necessário a criação de um planeamento . Neste caso, além das segmentações por contactos, poderão também ser feitas segmentações de visitantes, como:

  • Quem visitou mais de 5 páginas do seu site;
  • Quem visitou um produto ou uma categoria de produtos específicos do seu site);
  • Quem deixou um comentário no seu conteúdo;
  • Quem fez clique no link do seu perfil de redes sociais.

Depois de criar o planeamento é altura de iniciar a sua estratégia. O Retargeting funciona através de cookies.  Existem muitos sites que informam os visitantes sobre a sua política de privacidade e solicitam a permissão do utilizador para recolher cookies. Estes cookies são uma espécie de “sinalizador” e ficam armazenados no computador das pessoas que visitam o seu site, vinculando-os a uma tag inserida no código do site. Quando esse visitante aceder a outros sites, o Google irá identificar o cookie e exibir os anúncios que determinou ao criar a sua campanha.  

O período de Retargeting são normalmente de 30 dias. Após esse tempo, os cookies são apagados e o visitante deixará de ver os seus anúncios. No entanto, essa configuração poderá ser alterada e alargada durante mais algum tempo, de forma a estar alinhada com a sua estratégia.

Retargeting e Google Ads

O Google é o maior motor de busca da internet e por isso pode exibir anúncios na sua própria página de pesquisa  ( o que gera sempre muitos resultados). No entanto, o Google tem um vínculo com milhares de sites por todo o mundo, os que participam no seu programa de afiliados. Esses sites cedem espaço para que sejam colocados os anúncios – em troca, recebem um valor por cada clique. A isto chamamos de rede de display.

É importante referir que o Google procura posicionar os anúncios em sites que tenham um tema relacionado, já que assim, garante que o utilizador que vê o anúncio tem realmente interesse no produto ou serviço, o que aumenta as hipóteses de conversão. No caso do Retargeting, essa regra não é tão válida, uma vez que o alvo já é um utilizador específico que demonstrou interesse naquele produto.

Em termos práticos, os anúncios da rede de display têm alguma vantagem para uma estratégia comum de marketing, já que são mais elaborados visualmente, permitindo a criação de banners com diferentes formatos e tamanhos, bem como o uso de imagens e efeitos. No entanto, o Retargeting na rede de pesquisa tem a vantagem de que o utilizador está a pesquisar sobre o tema quando o anúncio é exibido, por isso a sua pré-disposição a clicar é muito maior.

Também é possível fazer Retargeting através do Facebook, utilizando anúncios focados em públicos personalizados, baseados no histórico de tráfego do seu site.

Conclusão

O Remarketing é uma excelente estratégia de marketing digital que permite que os seus anúncios do Google Ads apareçam mais do que uma vez aos utilizadores que já tenham demonstrado interesse no seu site o que fará alavancar as suas conversões, expandir e divulgar a sua marca ou negócio.

Se precisar de ajuda tem na Remarketing uma equipa de profissionais sempre dispostos e disponíveis! 

 

Precisa de uma equipa especializada para o ajudar?
 Contacte-nos para mais informações, ou Peça o seu orçamento personalizado e deixe-nos ajudá-lo a ter sucesso com o marketing digital!
Share on facebook
Partilhar
Share on linkedin
Partilhar

Artigos Relacionados

marketing imobiliário vantagens e dicas
artigos

As vantagens do Marketing Imobiliário

É obrigatório criar uma estratégia para as suas redes sociais.
Só assim conseguirá tirar o maior partido possível do mundo virtual enquanto meio de negócio.

dicas_facebook_ads_e-commerce_vender_mais
call to action

Facebook ads para E-Commerce

É obrigatório criar uma estratégia para as suas redes sociais.
Só assim conseguirá tirar o maior partido possível do mundo virtual enquanto meio de negócio.